Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Suzano lança painel com dados da Assistência Social à população mais vulnerável

Plataforma foi apresentada durante Jornada de Informações Sociais e traz os números de atendimentos
Plataforma foi apresentada durante o 2º encontro de 2024 I Foto: Luana Bergamini/Secop Suzano

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

A Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social lançou na última sexta-feira (28) um painel que reúne dados sobre o trabalho desenvolvido em prol da população mais vulnerável por meio do link tinyurl.com/smadspis2024. A plataforma foi apresentada durante o 2º encontro de 2024 da JIS (Jornada de Informações Sociais), realizado no Cineteatro Wilma Bentivegna, que contou com a participação do titular da pasta, Geraldo Garippo, e do responsável pela Drads (Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social) da Grande São Paulo Leste – Mogi das Cruzes, José Resende Filho; além de membros do grupo gestor do Suas (Sistema Único da Assistência Social), por parte da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social.

Entre as informações que podem ser acessadas no cadastro, está o quantitativo de serviços fornecidos pelos equipamentos da Assistência Social no ano passado, que resultou no atendimento a 137.289 pessoas de 58.034 famílias. O instrumento ainda apresenta o número de famílias com cadastro atualizado (43.068) e com cadastro desatualizado (14.966), assim como o número daquelas que recebem o Bolsa Família (25.867) do governo federal.

A atividade também foi marcada pela participação dos professores e pesquisadores do campus Suzano do IFSP (Instituto Federal de São Paulo), que apresentaram e discutiram as análises atualizadas da evolução dos dados do Cadastro Único em Suzano, desde 2022, e realizaram um diálogo didático sobre o que é, como se organiza e para que serve um índice de vulnerabilidade social, que está previsto como meta do Plano Municipal de Assistência Social de Suzano.

A jornada foi composta também pelo 1º Fórum de Informações Sociais, que contou com apresentações e análises sobre diferentes temas, que incluíram o perfil de formação e local de atuação de profissionais da rede socioassistencial; o impacto do ciclo de educação permanente; o levantamento das avaliações de pessoas atendidas sobre os centros de convivência para crianças e adolescentes, jovens e adultos e pessoas idosas; o impacto do ciclo de educação permanente sobre os centros de convivência para crianças e adolescentes, jovens e adultos e pessoas idosas; e o modelo descentralizado e participativo da prevenção da violência nas escolas, em conjunto com a assistência social e outras políticas públicas.

A programação de atividades previstas na JIS 2024 ainda prevê uma terceira reunião em 27 de setembro e o último dos quatro encontros em 13 de dezembro. As atividades do segundo semestre debaterão propostas para realização de um novo diagnóstico socioterritorial, com mais participação de profissionais e da população atendida e informações mais regionalizadas.

O secretário afirmou que o painel apresentado nesta oportunidade valoriza as atividades desenvolvidas pela administração municipal e disponibiliza informações relevantes para a população e para entidades que atuam no setor. “O painel concentra os dados de atendimento e detalha os serviços em cada equipamento municipal. É um instrumento valioso para quem trabalha nesta causa e para quem precisa dos serviços que prestamos à população, especialmente aos munícipes em situação de vulnerabilidade social”, declarou Garippo.

Atendimento

A população pode ter acesso aos serviços da secretaria por meio dos Centros de Referência de Assistência Social:

  • (Cras) Boa Vista, localizado na avenida Katsutoshi Naito, 955, Sesc – (11) 4749-4325) e (11) 4749-4325);
  • Cras Casa Branca, que fica na rua Maria Clara Tavares, 125, Parque Residencial Casa Branca – (11) 4747-7219) e (11) 4747-7219;
  • Cras Centro, situado na rua Monsenhor Nuno, 595 – (11) 4747-1341 e (11) 4747-1341;
  • Cras Gardênia Azul, na rua Teruo Nishikawa, 570, Jardim Varan – (11) 4751-4377 e (11) 4751-4377;
  • Cras Palmeiras, na rodovia Índio Tibiriçá (SP-31), 11.641 (pista de Ipelândia), em Palmeiras – (11) 4751-3756 e (11) 4751-3756;
  • Creas situado na rua Doutor Deodato Wertheimer, 174, no centro, os telefones são o (11) 4743-2588 e (11) 4743-2588.

Outras informações sociais da jornada e do fórum, podem ser obtidas no Centrus (Centro Unificado de Serviços) da região central, situado na avenida Paulo Portela 210, 2º andar, sala 213, Jardim Paulista, ou pelo telefone (11) 4545-2005.

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade