Uefa oficializa final da Champions League no Estádio do Dragão com presença de torcedores

Jurandir Natalino da SilvaO palco da final da edição 2021/22 da Champions League foi oficializado pela Uefa. Na quinta-feira (13), a entidade máxima do futebol europeu confirmou que o Estádio do Dragão, em Portugal, receberá Manchester City e Chelsea, no dia 29, às 16h (de Brasília).

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

Presidente da Uefa anunciou decisão com alegria sobre a volta de torcedores ao estádio

Por Gustavo Lourenço / Foto: Divulgação

Jurandir Natalino da SilvaO palco da final da edição 2021/22 da Champions League foi oficializado pela Uefa. Na quinta-feira (13), a entidade máxima do futebol europeu confirmou que o Estádio do Dragão, em Portugal, receberá Manchester City e Chelsea, no dia 29, às 16h (de Brasília).

“Acho que todos podemos concordar que esperamos nunca passar um ano como o que acabamos de suportar. Os torcedores tiveram que sofrer mais de doze meses sem poder ver seus times ao vivo e chegar à final da Liga dos Campeões é o ápice do futebol de clubes. Privar esses adeptos da oportunidade de verem o jogo em pessoa não era uma opção e estou muito satisfeito por este compromisso ter sido alcançado. Depois do ano que a torcida vem sofrendo, não é certo que não tenham a chance de assistir aos seus times no maior jogo da temporada”, disse o presidente da Uefa, Aleksander Ceferin.

Seis mil torcedores de cada lado são esperados na casa do Porto. O estádio foi escolhido após dificuldades de viagens para Istambul, capital turca, onde estava marcada a disputa da final. O governo do Reino Unido colocou a Turquia em sua lista vermelha de destinos turísticos, ou seja, caso a final fosse no país, nenhum dos torcedores ingleses seria capaz de viajar para o jogo.

Esta é a segunda vez seguida que Portugal receberá uma final de Champions, e a primeira vez que o estádio do Porto sediará a grande decisão. Na temporada passada, a final entre Bayern de Munique e PSG foi realizada no Estádio da Luz, casa do Benfica.

Em nota oficial, a Uefa garantiu que tentou de tudo para que a final fosse disputada na Inglaterra, mas, “apesar dos esforços exaustivos da federação, não foi possível obter as isenções necessárias do regime de quarentena do Reino Unido.”

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade