Paralisação em SP afeta clássico do Paulistão e jogos na Copa do Brasil

A decisão do Governo de São Paulo de paralisar o futebol no Estado durante a “fase emergencial”, que ocorrerá entre os dias 15 e 30 de março, afetará o clássico do Campeonato Paulista entre Palmeiras e São Paulo. Além disso, dois jogos pela Copa do Brasil também terão que ser remanejados.

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

A competição mais afetada, evidentemente, é o Paulista

Por Gustavo Lourenço / Foto: Divulgação

A decisão do Governo de São Paulo de paralisar o futebol no Estado durante a “fase emergencial”, que ocorrerá entre os dias 15 e 30 de março, afetará o clássico do Campeonato Paulista entre Palmeiras e São Paulo. Além disso, dois jogos pela Copa do Brasil também terão que ser remanejados.

A competição mais afetada, evidentemente, é o Paulista. As rodadas cinco, seis e sete inicialmente não serão disputadas no período. Porém, segundo a coluna do Danilo Lavieri, os clubes e a FPF (Federação Paulista de Futebol) estudam alternativas para que a bola não pare de rolar no Paulistão. A primeira opção que surgiu em conversas preliminares foi usar o Rio de Janeiro como nova sede.

Pela Copa do Brasil, dois jogos precisarão de uma atenção especial. O Marília recebe o Criciúma no dia 17. Existe a possibilidade de levar o jogo para outro local ou esperar por nova data. No dia seguinte, Mirassol x Bragantino sofrem do mesmo problema. O Corinthians, por sua vez, também joga pela competição, mas visita o Salgueiro, em Pernambuco, e poderá entrar em campo normalmente.

Mesma situação do Santos na Libertadores. O time é o único na competição que poderia ter problemas com datas, mas a partida de volta contra o Deportivo Lara será na Venezuela e, portanto, poderá ocorrer sem maiores complicações – Alvinegro venceu por 2 a 1, na Vila Belmiro, na última terça-feira.

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade