Palmeiras tem a chance de colocar mais dois troféus em sua galeria de títulos de futebol

Apesar do drama da pandemia, que começou em março de 2020, o Palmeiras se deu bem no ano passado conseguindo o título de Campeão Paulista em cima do Corinthians, vencendo o arquirrival por 1 a 0 no tempo normal da partida e por 4 a 3 nos pênaltis.

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

Depois do “Paulista” em cima do Corinthians, Verdão tenta a Copa do Brasil e a Libertadores

Por Aristides Barros / Foto: Divulgação

Apesar do drama da pandemia, que começou em março de 2020, o Palmeiras se deu bem no ano passado conseguindo o título de Campeão Paulista em cima do Corinthians, vencendo o arquirrival por 1 a 0 no tempo normal da partida e por 4 a 3 nos pênaltis.

O sabor do título ganho em agosto de 2020, com a equipe alviverde sob o comando do técnico Vanderlei Luxemburgo, ainda é sentido pelos palmeirenses que vão pegar o Grêmio – do Renato Gaúcho – com o gosto de campeões na boca.

Fora o time do Rio Grande do Sul, o Verdão tem partidas decisivas com o Santos pela Libertadores da América. A sequência de compromissos importantes deixa o clube em evidência no cenário esportivo nacional e internacional, pois a possível vitória contra a agremiação da Baixada Santista leva o Palmeiras para a disputa do Mundial de Clubes.

Apesar de estar em um de seus melhores momentos, o time dirigido pelo técnico português Abel Ferreira deixou a sua torcida com o coração nas mãos até os instantes finais da partida contra o River Plate, jogada no Allianz Parque.

Na casa do adversário, na Argentina, o Palmeiras deu um show de bola vencendo o embate pelo placar de 3 x 0. Porém, no jogo de volta, o Verdão fez uma de suas piores apresentações no ano, perdendo por 2 x 0. A classificação para a final da Libertadores foi uma consequência do primeira vitória contra o River.
Obviamente que se jogar contra o Santos da mesma forma que foi pra campo contra o River, o Palmeiras dificilmente poderá sagrar-se campeão das Américas. O técnico e o time terão de botar o coração na chuteira e sair paraa o tudo ou tudo.

Paralelamente as duas outras competições disputadas pelo alviverde – Brasileirão e Copa do Brasil – são importantes, mas não tanto quanto a Libertadores, porque a vitória da mesma coloca novamente o “Palestra” no caminho do tão aguardado e sonhado título de campeão mundial.

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade