Guarda Municipal interrompe baile clandestino com 800 pessoas na Porteira Preta, em Mogi

Na noite deste sábado (8), a equipe da GCM (Guarda Civil Municipal) de Mogi das Cruzes interrompeu um baile clandestino com aproximadamente 800 pessoas. O evento acontecia na Estrada Etsunari Adachi, no bairro da Porteira Preta.

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

A festa clandestina acontecia na Estrada Etsunari Adachi e seus participantes ignoravam o fato do país estar passando por uma pandemia

Da Redação / Foto: GCM Mogi – Divulgação

Na noite deste sábado (8), a equipe da GCM (Guarda Civil Municipal) de Mogi das Cruzes interrompeu um baile clandestino com aproximadamente 800 pessoas. O evento acontecia na Estrada Etsunari Adachi, no bairro da Porteira Preta.

Os trabalhos de fiscalização com a participação da GCM, Polícia Militar e os ficais de Postura da Prefeitura, tem sido intensificada para inibir eventos como os deste sábado.

“A GCM está com um trabalho intenso na fiscalização das festas clandestinas. A equipe está empenhada diuturnamente. É fato, que os comerciantes estão cumprindo as regras, mas a população ainda não entendeu a gravidade da pandemia”, destacou o Secretário Municipal de Segurança, André Ikari.

Para denunciar casos festas clandestinas, aglomerações e outras ações que descumprem as medidas de restrição social, basta entrar em contrato pelo telefone 153, da Ciemp (Central Integrada de Emergências Públicas).

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade