Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Governo de São Paulo anuncia concessão de três estações da CPTM em Mogi das Cruzes

Na semana passada, a GAZETA trouxe uma matéria sobre a espera que enfrentam os pedestres que precisam cruzar as passagens de níveis da CPTM em Mogi das Cruzes. Após a publicação, leitores procuraram a reportagem para falar sobre o tema, e o assunto também foi levado aos deputados federais e estaduais da região. Na sexta-feira (29), o Governo do Estado, por meio da CPTM, divulgou o edital de concessão de direito de uso real das estações Mogi das Cruzes, Jundiapeba e Estudantes, na Linha 11-Coral, que também afetará a situação das passagens de nível.

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

Cidadão que luta por melhorias nas estações e deputado federal falaram sobre as passagens de nível

Por Giovanna Figueiredo / Foto: Bruno Arib

Na semana passada, a GAZETA trouxe uma matéria sobre a espera que enfrentam os pedestres que precisam cruzar as passagens de níveis da CPTM em Mogi das Cruzes. Após a publicação, leitores procuraram a reportagem para falar sobre o tema, e o assunto também foi levado aos deputados federais e estaduais da região. Na sexta-feira (29), o Governo do Estado, por meio da CPTM, divulgou o edital de concessão de direito de uso real das estações Mogi das Cruzes, Jundiapeba e Estudantes, na Linha 11-Coral, que também afetará a situação das passagens de nível.

A concessão das três estações, em lote único, acontecerá no próximo dia 4 de março e dará ao vencedor o direito de exploração comercial de áreas, compreendendo a ampliação, construção, https://portalgazetaregional.com.br/wp-content/uploads/2023/06/ed440.pngistração e manutenção destes locais. O prazo de vigência do Contrato de Concessão de Direito Real de Uso é de até cinco anos para ampliação e construção das estações e de 30 anos para a exploração, https://portalgazetaregional.com.br/wp-content/uploads/2023/06/ed440.pngistração e manutenção de áreas comerciais, totalizando um prazo máximo de até 35 anos.

Moradores

Após a repercussão da matéria, a GAZETA recebeu uma ligação do Ferroviário Adalberto Santana de Andrade, 59 anos. Há 37 anos ele vem acompanhado e lutando por melhorias nas estações ferroviárias da cidade, e passagens de nível é pauta constante nos encontros que o mogiano tem com vereadores, prefeitos, deputados e outros membros do poder público.

“No projeto executivo do túnel tinha uma passarela, que nunca foi feita”, lembrou o ferroviário.

“Acho que precisa de uma movimentação política para resolver a questão. Na Zona Sul da Capital, por exemplo, eles conseguiram melhorias porque os deputados cobraram, foram atrás, se juntaram com a população e com o Executivo. Aqui, o que falta é ir atrás. Nas reuniões que participei representantes do Governo do Estado se mostraram abertos para o diálogo, mas tem que força política para ir atrás e resolver”, explicou.

Deputados

A GAZETA procurou os quatro deputados estaduais da região – André do Prado (PL), Estevam Galvão (DEM), Marco Damasio (PL) e Rodrigo Gambale (PSL), além dos federais – Marcio Alvino (PL) e Marco Bertaiolli (PSD) -, para comentar o assunto e falar de ações para resolver o problema. Apenas o deputado Bertaiolli respondeu aos questionamentos.

O ex-prefeito de Mogi das Cruzes afirmou que ele e o atual prefeito, Caio Cunha (PODE), acertaram uma reunião com o secretário estadual de Transportes para tratar sobre o assunto. Ainda segundo Bertaiolli, a CPTM tem um débito com Mogi, pois há cinco anos foi anunciada a reforma das quatro estações da cidade e construção de uma nova estação na área central, como consequência dos túneis construídos por ele, mas as obras nem começaram.

“Nós vamos levar isso ao secretário de Transportes para que seja atualizado o cronograma dessa obra. Nós temos que dar acessibilidade e mobilidade nas nossas estações. A hora que essas estações estiverem prontas é inevitável o próximo passo, a chegada do trem a César de Souza, que é nossa busca”, ressaltou.

VEJA MAIS:

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade