Câmara de Suzano suspende atividade após a confirmação de casos de Covid-19

A Câmara de Suzano suspenderá as atividades a partir de quinta-feira (25) após o surgimento de casos confirmados e suspeitos do novo coronavírus (Covid-19) entre os funcionários. A medida será tomada, inicialmente, pelo período de 15 dias.

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

Sessões ordinárias e reuniões ordinárias de comissões devem ficar suspensas pelo período de 15 dias

Da Redação / Foto: CMS – Divulgação

A Câmara de Suzano suspenderá as atividades a partir de quinta-feira (25) após o surgimento de casos confirmados e suspeitos do novo coronavírus (Covid-19) entre os funcionários. A medida será tomada, inicialmente, pelo período de 15 dias.

Nesta semana, a Casa de Leis teve o Almoxarifado fechado por causa da suspeita de contaminação dos servidores que atuam no local. O setor de Limpeza do Legislativo também teve funcionários que testaram positivo, além de afastamentos devido a comorbidades – o que prejudicou o trabalho da equipe, que é de suma importância para evitar novas contaminações.

“Não podemos colocar funcionários, assessores e vereadores em risco, ainda mais se consideramos que estamos no pior momento da pandemia, com o sistema de saúde da região superlotado”, declarou o presidente da Câmara, Leandro Alves de Faria (PL), o Leandrinho. Ele ressaltou que as atividades de fiscalização dos parlamentares continuam mantidas: “É nosso dever zelar e atender à população, sobretudo num momento tão delicado como este”.

De acordo com o ato da mesa 008/2021, a partir quinta-feira (25) ficam suspensas as sessões ordinárias e reuniões ordinárias de comissões pelo período de 15 dias, assim como os prazos das comissões temporárias ou
permanentes. Este período poderá ser prorrogado ou cancelado, mediante convocação dos vereadores pela Presidência da Casa de Leis e/ou edição de novo ato. No caso de a suspensão perdurar por 30 dias ou mais, ficará suspenso o recesso parlamentar de julho.

Caso sejam realizadas sessões extraordinárias para votação de projetos urgentes, elas serão convocadas excepcionalmente por meio eletrônico. O ato da mesa também informa que não haverá expediente interno e externo, sendo vedado o acesso nas dependências do Legislativo, salvo em casos excepcionais e essenciais.

Desde o início do mês, os funcionários da Câmara de Suzano já realizavam o trabalho em home office em sistema de rodízio, e as sessões estavam sendo realizadas sem acesso do público. Um novo ato publicado na semana passada havia também fechado o acesso do público às dependências da Casa de Leis durante o horário de expediente.

Sessão

A sessão ordinária de amanhã (24) será realizada às 14 horas e poderá ser acompanhada ao vivo, de forma online, pelo canal do YouTube do Legislativo (www.youtube.com/c/TVCâmaraDeSuzano).

Na pauta, está a discussão e votação do projeto de decreto legislativo que concede o Título de Cidadão Suzanense a Lucas dos Santos Domingues. A propositura é de autoria do vereador Edirlei Junio Reis (PSDB), o
professor Edirlei.

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade