Caio Cunha anuncia ampliação da estratégia de combate à Covid-19

Em uma transmissão ao vivo pelo Facebook oficial da Prefeitura de Mogi das Cruzes, o prefeito Caio Cunha (PODE), anunciou a ampliação da estratégia de Combate à Covid-19 e nome de Zeno Morrone Júnior para a Secretaria de Saúde da cidade. O centro de atendimento pós-covid deverá começar a funcionar na próxima quarta-feira (28).

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

Centro de atendimento pós-Covid será implantado na cidade e deve começar a funcionar na quarta (28); Zeno Morrone assume a Secretaria de Saúde

Por Giovanna Figueiredo / Foto: Gabril Bispo|PMMC – Divulgação

Em uma transmissão ao vivo pelo Facebook oficial da Prefeitura de Mogi das Cruzes, o prefeito Caio Cunha (PODE) anunciou a ampliação da estratégia de Combate à Covid-19 e o nome de Zeno Morrone Júnior para a Secretaria de Saúde da cidade. O centro de atendimento pós-covid deverá começar a funcionar na próxima quarta-feira (28).

A ampliação na estratégia de combate à Covid visa melhorar o atendimento pré, durante e pós-covid. A mudança começa no atendimento, a cidade tem cinco unidades de referência para pré-atendimento Covid, que são: as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) da Vila Suíssa, Ponte Grande, Alto do Ipiranga, Jardim Camila, Jardim Universo e passará a contar com mais uma que é a UnicaFisio, localizada ao lado do Hospital Municipal de Brás Cubas. Nessas unidades há uma reorganização no fluxo para que os pacientes com suspeita de Covid-19 não tenham contato com os outros.

Uma das principais novidades é a aplicação de um novo teste para Covid-19, o swab/antígeno. O exame é feito através da coleta do material das vias aéreas do paciente e o resultado saí em 20 minutos. Outra novidade será a reativação do Disque Covid, com atendimento telefônico pelo 4798-5160 – para tirar dúvidas e obter orientações para casos leves e pessoas que tiveram contato com infectados. 

A UBS Vila Suíssa e a UnicaFisio serão unidades de serviço avançado para Covid-19, com tomografia computadorizada que ajudarão em diagnósticos mais precisos e acompanhamento da saturação dos pacientes. Esse acompanhamento permite que os médicos avaliem a necessidade de internação.

Monitoramento

Mogi já conta com uma central de monitoramento de casos de Covid-19, no entanto, o serviço será ampliado, saltando de cinco para 23 colaboradores. Eles atuarão no Hospital Municipal fazendo a atualização de informações como notificação de casos suspeitos; acompanhamento clínico em prontuário de todos os casos positivos notificados; rastreamento (busca ativa) de contactantes (pessoas que tiveram contato com infectados) e oferta de testagem; finalização das notificações; avaliação e referenciamento ao serviço de pós-Covid.

Centro pós-Covid

O prefeito anunciou também a criação de um novo Centro de Recuperação Pós-Covid. Inicialmente o serviço funcionará na Unica (Unidade Clínica Ambulatorial) de Jundiapeba e no NAF (Núcleo de Avaliação Física), no Mogilar, posteriormente deverá ocupar parte do imóvel do CIAS (Centro Integrado de Assistência à Saúde), ao lado da UPA do Rodeio.

Entre as especialidades previstas para atendimento aos pacientes com sequelas da infecção pelo novo coronavírus estão: Endocrinologia, Vascular, Cardiologia, Pneumologia, Neurologia, Dermatologia, Nutrição, Fonoaudiologia, Fisioterapia e Psicologia.

Novo secretário

Priscila Yamagami, Dr.Zeno e Caio Cunha

Zeno Morrone Junior foi escolhido para ocupar o cargo de secretário de Saúde, ele tem 65 anos, é médico especialista em Cirurgia, Medicina do Trabalho, Medicina Legal e Administração Hospitalar. Desde 1979 se dedica à área da Saúde, tendo já atuado como coordenador de unidades da Rede Básica de Saúde, diretor da Vigilância Sanitária do Alto Tietê e diretor técnico do Hospital Luzia de Pinho Melo.

Zeno também foi professor na USP, UMC, UBC e Faculdade do Clube Náutico Mogiano, além de chefiar o Núcleo de Perícias Médico Legais de Mogi das Cruzes e participar do corpo clínico de diversas unidades hospitalares do município.

“Quando fazemos Medicina, nosso pensamento é servir sempre e poder servir e contribuir na minha cidade é um grande privilégio. Podem ter certeza que vou, acertar ou errar, mas trabalhar sempre de coração aberto”, afirmou.

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade