Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Alimentação saudável crescerá US$ 452,93 milhões até 2027

Estimativa de empresa especializada em pesquisa prevê que o mercado mundial de alimentos de saúde e bem-estar crescerá em quase meio bilhão de dólares nos próximos anos com uma taxa de crescimento de 8,5%
Alimentação saudável crescerá US$ 452,93 milhões até 2027
Alimentação saudável crescerá US$ 452,93 milhões até 2027

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

O mercado de alimentos de saúde e bem-estar crescerá US$ 452,93 milhões até 2027, conforme  prevê a empresa canadense de pesquisa de mercado Technavio. A taxa anual de crescimento para o segmento será de 8,5% durante o período. As categorias de alimentos analisadas pela empresa foram o de alimentos naturais saudáveis, alimentos funcionais, alimentos BFY (Better For You, ou “Melhor Para Você” na tradução literal), alimentos orgânicos e produtos de intolerância alimentar.

Segundo o relatório da empresa canadense, a previsão de crescimento para o mercado de alimentos saudáveis está atrelada ao aumento da adoção de hábitos alimentares saudáveis pelas pessoas, como o consumo de alimentos não processados ​​e integrais e a inclusão de uma dieta que ofereça uma alimentação variada e equilibrada. 

Para Filipe Falcão, sócio-diretor da Sucão, franquia de sucos e alimentação saudável, a previsão de crescimento do mercado global de alimentos saudáveis é bastante promissora. “Diversos estudos indicam que esse segmento deverá continuar a expandir-se a uma taxa significativa, impulsionado pela crescente conscientização dos consumidores sobre a importância da alimentação para a saúde e bem-estar”. 

Falcão justifica que a demanda por alimentos naturais, orgânicos e funcionais aumente nos próximos anos por refletir uma mudança de comportamento e estilo de vida que valoriza mais a saúde. “Essa tendência global também é apoiada por políticas públicas e iniciativas de organizações internacionais que incentivam hábitos alimentares mais saudáveis”.

Segmento de alimentação saudável no Brasil

De acordo com o relatório Food Barometer da empresa de serviços de alimentação, Sodexo e do centro de pesquisas Harris Interactive, cerca de 90% dos brasileiros têm uma uma percepção positiva sobre o termo “alimentação sustentável” e 49% relataram que diminuíram o consumo de alimentos processados.

Segundo o sócio-diretor da Sucão, o investimento em inovação e sustentabilidade na produção de alimentos saudáveis pode posicionar o Brasil como um líder global nesse segmento, gerando empregos e promovendo desenvolvimento econômico sustentável, principalmente pelo fato do país possuir uma rica biodiversidade e uma capacidade agrícola robusta que favorece a produção de alimentos naturais e orgânicos. 

“O mercado brasileiro é vasto e diversificado, oferecendo inúmeras oportunidades para inovação e desenvolvimento de novos produtos“, aposta.

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp
dino
Reportagens - 6583
Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade