Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Telemedicina veterinária facilita atendimento a pets

Modalidade de consulta amplia o acesso a serviços veterinários através de consultas virtuais e orientações remotas, possibilitando o cuidado dos animais à distância e em horários alternativos
Telemedicina veterinária facilita atendimento a pets
Telemedicina veterinária facilita atendimento a pets

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

Em junho de 2022, o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) regulamentou as modalidades de atendimento em formato de telemedicina veterinária, que incluem teleconsulta, telemonitoramento, teletriagem, teleorientação (para comunicação entre veterinários) e telediagnóstico. Essas modalidades permitem que os donos de pets recebam orientação rápida e prática dos veterinários, reduzindo a necessidade de visitas presenciais.

Neste formato, durante a consulta, o veterinário e o dono do animal podem interagir, discutir sintomas, mostrar ocorrências do pet por meio da câmera e receber orientações sobre cuidados e tratamentos, oferecendo, desta forma, conveniência, inclusive em situações menos urgentes, para realizar atendimentos a partir de qualquer local com acesso à internet.

Para Ronnie Girardi, CEO da plataforma de telemedicina Vetconex, essa implementação representa um avanço tecnológico que se traduz em benefícios tangíveis, sendo a agilidade no atendimento uma das principais vantagens. “A capacidade de encaminhar laudos online para os médicos, possibilitando uma rápida apuração do diagnóstico, destaca-se como um marco na eficiência do sistema’’, pontua o executivo.

Girardi também observa essa atualização como um novo paradigma que alivia a sobrecarga hospitalar, especialmente em casos menos graves, o que a torna imprescindível na prevenção de doenças. ‘’A telemedicina, ao identificar e tratar complicações clínicas no tempo adequado, não apenas promove uma abordagem proativa à saúde, mas também contribui para a redução das despesas associadas a tratamentos mais complexos.’’

Adequação em casos específicos

Ainda de acordo com as normas da CFMV, existem requisitos e diretrizes que abordam as responsabilidades, limitações e restrições relacionadas à telemedicina veterinária. 

Essas diretrizes incluem, por exemplo, a exigência ativa no Sistema CFMV/CRMVs, bem como registro com Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) aos médicos veterinários.

Já em situações de emergência e urgência, conforme resolução do órgão, a telemedicina veterinária não é permitida, podendo ser realizada apenas nos casos em que haja uma Relação Prévia Veterinária-Animal-Responsável (RPVAR) presencial e devidamente registrada.

Saúde animal e mercado pet

Segundo levantamento da Abinpet, com projeções baseadas no 3º trimestre de 2023, o segmento pet vet (produtos veterinários) registrou um crescimento de 16% em faturamento ao longo de 2023, seguido por pet care (15%) e pet food (10,6%). Esses números demonstram o cuidado dos tutores em saúde, higiene e bem-estar para seus animais de estimação.

Além disso, o Brasil abriga mais de 285 mil empresas dedicadas ao mercado pet, de acordo com dados do Sebrae, o que o coloca como o terceiro maior do mundo, representando uma significativa fatia do mercado. 

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp
dino
Reportagens - 6211
Fique Informado!

Siga a Gazeta

Leia Também

Publicidade